• Cuiabá - -
Olho No Esporte MT
MATO-GROSSENSE

Botelho e Janaina propõem tornar Botão de Pânico obrigatório em veículos de aplicativos após assassinatos

Os parlamentares atenderam a reivindicação dos representantes do Sindicato dos Motoristas de Aplicativo para adoção da medida de segurança

Data: 18/04/2024 - Por: Da Redação


ESSA NOTÍCIA É UM OFERECIMENTO:



O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União), e a deputada Janaina Riva (MDB) coapresentaram um projeto de lei na manhã desta quarta-feira (17), propondo a obrigatoriedade de fornecimento do Botão do Pânico às empresas de transporte por aplicativo. Além disso, a medida prevê que as empresas exijam o cadastramento prévio com fotos do titular da conta e do cliente que utilizará o serviço, garantindo a autenticidade das imagens.

A proposta foi apresentada durante a sessão de hoje, logo após uma reunião entre Botelho, Janaina e representantes do Sindicato dos Motoristas de Aplicativo de Cuiabá, liderados por Solange Menacho. A sugestão do botão do pânico partiu da própria categoria, que também planeja levar a demanda ao secretário de Estado de Segurança Pública, coronel César Augusto de Camargo Roveri, em uma reunião agendada para quinta-feira (18), às 10h.

Além da audiência com o secretário, Botelho comprometeu-se a buscar um encontro com o comandante da Polícia Militar, coronel Alexandre Mendes, e uma reunião da categoria com o governador Mauro Mendes (União).

"Estamos empenhados em garantir a segurança de todos os motoristas, para evitar que crimes como esse ocorram novamente. Nossos corações estão com as famílias afetadas por essa tragédia horrível", afirmou o parlamentar.

A deputada Janaina Riva ressaltou que o Botão do Pânico já é utilizado em outras cidades com resultados positivos e defendeu a proposta, expressando confiança na aprovação do projeto na Assembleia Legislativa.

Solange Menacho, presidente do Sindicato, destacou que o Botão do Pânico reduziu em até 42% os índices de violência em outros Estados onde foi implantado. Ela agradeceu o apoio do parlamentar e destacou a necessidade de mais segurança para a categoria.

A sindicalista lamentou que tenham sido necessárias três vidas perdidas para que medidas fossem tomadas e destacou que a proposta apresentada por Botelho é um passo inicial. Ela espera que o projeto seja aprovado para que os motoristas sintam-se mais seguros em seu trabalho diário.

Botelho também adiantou que na reunião com Roveri aproveitará para solicitar um reforço no efetivo policial, uma vez que, segundo Solange, os motoristas enfrentam dificuldades para obter auxílio da Polícia Militar em situações de emergência.

Os motoristas planejam uma manifestação nesta quarta-feira (17) às 16h, onde farão uma carreata pela cidade, partindo da Prainha em frente à sede da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa, passando pela Getúlio Vargas até o Centro Político Administrativo, onde encerrarão o protesto.

Elizeu Rosa Coelho, de 58 anos, Marcio Rogerio Carneiro, de 34 anos, e Nilson Nogueira, de 42 anos, foram brutalmente assassinados por três jovens, dois deles menores de idade. O deputado Eduardo Botelho apresentou uma moção de pesar pela morte dos três trabalhadores.







Top