• Cuiabá - -
Olho No Esporte MT

Empate com o Cuiabá é o fim da linha e Hernán Crespo deixa o comando técnico do São Paulo

Esta é a terceira vez que um técnico tem resultado negativo contra o Dourado e é demitido na sequência. Antes Fernando Diniz e Eduardo Barroca também foram demitidos de seus respectivos cargos.

ESSA NOTÍCIA É UM OFERECIMENTO:


   Data: 13/10/2021 - Por: Fernando Soares

O empate sem gols com o Cuiabá na última segunda (11) foi o estopim para Hernán Crespo no no São Paulo Futebol Clube. Na tarde desta quarta-feira (13), a diretoria comunicou o fim da parceria com o treinador, que chegou no clube em fevereiro deste ano. Esta é a terceira vez que um técnico tem resultado negativo contra o Dourado e é demitido na sequência. Antes Fernando Diniz e Eduardo Barroca também foram demitidos de seus respectivos cargos.

Apesar do fim do jejum do clube após quase nove anos sem títulos no futebol profissional, o treinador foi perdendo credibilidade após os resultados ruins recentes e também pela péssima campanha no Brasileirão.

A comissão técnica argentina, composta por Juan Branda (auxiliar técnico), Alejandro Kohan e Gustavo Sato (preparadores físicos), Gustavo Nepote (preparador de goleiros) e Tobías Kohan (analista de desempenho), também deixa o clube paulista.

Desde que assumiu o São Paulo, Crespo acumulou 53 partidas, com 24 vitórias, 19 empates e 10 derrotas, resultando em um aproveitamento de 57,23% dos pontos.

Além da má colocação na Séria A, o treinador teve eliminações vexatórias contra Palmeiras, na Libertadores e Fortaleza na Copa do Brasil.

Na competição continental, o São Paulo empatou com o Verdão em 1 a 1, no Morumbi e sofreu uma derrota por 3 a 0, no Allianz Parque. Já na Copa do Brasil, o São Paulo vencia o Fortaleza até os 38 minutos do segundo tempo e acabou levando o empate nos acréscimos. No jogo da volta perdeu por 3 a 1 e deu adeus à competição nacional.

 

 

Por: Fernando Soares










Top